A máfia da blogosfera
06
Abr 09
publicado por Tiago Moreira Ramalho, às 14:24link do post

Ao longo de toda esta legislatura, de forma progressiva, tem havido denuncias, umas mais sérias que outras, de controlo dos media por parte do governo. A frase “ai se isto tivesse acontecido no tempo do Santana Lopes” é disto demonstrativa: toda a gente minimamente atenta sentia que algo estava errado com a forma como se faziam notícias. Provavelmente o mais activo delator de tudo isto tem sido Pacheco Pereira. Se é certo que das oitenta e tal recolhas que já fez sobre o assunto, uma boa parte é puro delírio, é certo também que outras tantas são bastante assertivas. Ainda assim, tudo isto era tudo a mais pura das suspeitas, boatos. Agora deu-se um novo passo em toda esta história. O Primeiro Ministro começou a processar colunistas e jornalistas, alegando ter sido vítima de calúnias. O João Miguel Tavares, que começou uma crónica no DN com "Ver José Sócrates apelar à moral na política é tão convincente quanto a defesa da monogamia por parte de Cicciolina", já foi depor; o Público, a sua jornalista Cristina Ferreira, o seu director-adjunto Paulo Ferreira e o seu director José Manuel Fernandes também já foram processados. Se até hoje o “situacionismo” era coisa de alguns, sendo que ainda havia um Sol a fazer uma investigação que mais ninguém quis fazer, agora vai ser uma instituição. Ninguém vai arriscar um processo em tribunal em troca do profissionalismo e da ética. O medo vai instalar-se e ninguém vai querer afrontar o líder. A liberdade, que nunca foi própria desta terra, está prestes a ser apenas uma boa memória.


De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

arquivo do blogue
2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar