A máfia da blogosfera
01
Ago 09
publicado por Tiago Moreira Ramalho, às 10:16link do post | comentar

A autêntica novela mexicana com Joana Amaral Dias vai, como de costume, acabar com um grande nada. A atenção que iremos dar (que já estamos a dar), aos detalhes, ao como, se foi por telefone, se foi ao vivo, se foi íntimo ou não, apenas irá fazer com que a questão verdadeiramente importante seja esquecida: a administração pública é um brinquedo na mão dos políticos. A «confiança política» está a fazer a máquina ruir e todos estão alegres e sorridentes ou simplesmente amorfos. Ou bem que há uma mudança drástica nas nomeações ou o Estado português continuará a ser o circo que hoje é.


É que dá não ver televisão. Quando a ligo tenho sempre estes mimos para ver em que ponto chegamos a termo de jornalismo e politica.

São episódios destes que me fazem ponderar se vou votar num partido ou em branco!
Stran a 1 de Agosto de 2009 às 14:39

Tiago,
tem muita razão.

Não percebo porque é que o PS nega que a convidou. Não há mal algum nisso. Há mal sim em se jogar lugares admnistrativos a troco de apoio político. É óbvio que o PS não prefere a Joana Amaral Dias para o IPJ por achar que as suas opiniões sobre a juventude estão correctas, ou por considerar simplesmente que ela é a mulher certa para o lugar.

Quando ouvi isto, pensei que ia ser uma bomba, mas daquelas de hidrogénio como devia ser. Afinal nada! A comunicação social esteve muito muito mal.
João Pedro a 1 de Agosto de 2009 às 23:04

arquivo do blogue
2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar