A máfia da blogosfera
13
Jun 09
publicado por Tiago Moreira Ramalho, às 08:44link do post | comentar

Na realidade, João Távora, o bolo de clichés onde estão a «importância da comunidade nacional, da recuperação do património, da preservação do ambiente, da protecção da vida familiar, da centralidade do sistema nacional de saúde», criado apenas para efeito e não propriamente para oferecer uma análise aprofundada, é algo que tanto pode ser defendido pela esquerda como pela direita. Não são ideais particulares nem de uma nem de outra. No entanto, José Cardoso Rosas, ao aconselhar a direita a centrar-se nisto e a abandonar aquilo que a distingue - o papel do estado, ou melhor, a forma como se praticam estes ideais -, está a defender que a direita defenda as mesmas coisas que a esquerda e nada de diferente.

Para além disso, o conselho é inócuo, porque a direita, e aqui falo dos partidos, portuguesa nunca foi verdadeiramente direita. Todo o espectro político português está à esquerda, o único problema é que não podiam deixar a metade da direita vazia no Parlamento. Li algures alguém a defender que se fizesse um segundo anel na ala esquerda onde se colocasse o PSD e o CDS. Era algo interessante e pelo menos mais fiel à verdade.


Caro Tiago: Pelos vistos não me fiz explicar, pelo que tentei explicitar a mensagem.
Abraço
João Távora a 13 de Junho de 2009 às 17:05

arquivo do blogue
2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar