A máfia da blogosfera
14
Jan 09
publicado por Tiago Moreira Ramalho, às 19:32link do post | comentar

 

Sempre respeitei bastente D. José Policarpo, nunca considerei maus os seus discursos e intervenções e sempre considerei que não se "metia" onde não devia. Um Cardeal no mínimo pouco ortodoxo, tendo práticas que o afastaram de uma candidatura a Papa, como é exemplo o seu conhecido "apego" ao tabaco, mas que nada faziam com que destosgasse da sua pessoa. No entanto, na comemoração dos 125 anos do Casino da Figueira da Foz, numa conversa com a omnipresente Fátima Campos Ferreira, o Cardeal Patriarca de Lisboa fez umas declarações, diria eu, inaceitáveis, tendo "alertado" as jovens portuguesas para os "perigos" do matrimónio com muçulmanos. Numa rara demonstração de intolerância e de tendência para o fundamentalismo, D. José Policarpo fez uma denúncia muito válida - a do desrespeito pelos Direitos Humanos em relação às mulheres do Islão - de uma forma quase jucosa e que roçou o ridículo. É mais um tiro no pé da nossa Igreja Católica, cujos valores são os fundamentos de toda uma cultura que prima pela liberdade e pela democracia, mas que insiste em tiradas tudo menos dignificantes.

 

Ler também:

"mais do mesmo" no Delito de Opinião

"Montes de Sarilhos" no Da Literatura

post-post-scriptum: seriamente avariados da pinha

li o teu post. para alem de estar bem escrito, tenho que deixar aqui uma marca a dizer que concordo com tudo o que foi dito neste post. apesar de não ser tudo mentira o que ele disse, a verdade é que ele da a cara pela igreja catolica e não devia ter este tipo de comportamentos. simplesmente, degradante.
Caravana a 15 de Janeiro de 2009 às 10:43

arquivo do blogue
2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar