A máfia da blogosfera
03
Set 08
publicado por Tiago Moreira Ramalho, às 11:14link do post | comentar
Não percebo muito de leis, mas desde petit garçon que me ensinaram que em Portugal existem três poderes independentes uns dos outros: poder Legislativo, poder Executivo e poder Judicial. O primeiro exercido pelo Parlamento, o segundo pelo Governo e o terceiro pelos Tribunais. Mais ou menos na mesma altura ensinaram-me que Portugal era uma democracia, ou seja, em Portugal é ao povo que é pedido, para o bem e para o mal, para decidir quem exerce o poder. Agora que penso melhor nisso, estou um pouco confuso. E esta minha confusão deve-se ao facto de não elegermos todos os poderes, mas sim uma espécie de "pack" onde vêm incluídos o governo, o parlamento e os tribunais. Nas eleições legislativas, que tal como o nome indica servem para eleger o parlamento, é também decidido o governo. Esse governo decide depois quem vai gerir o poder Judicial. É tudo muito pouco democrático na minha opinião. Porque é que a maioria do Parlamento tem de ser da mesma cor política do governo? Os portugueses podem perfeitamente considerar Sócrates qualificado para governar e não considerar o grupo parlamentar do PS qualificado para legislar.
Com toda esta discussão em torno do novo Secretário, seria bom pensarmos bem em todo o funcionamento da nossa "democracia".

ensinaram-te mal babe. Ou melhor, ensinaram-te a teoria...

:D
Maria Manuela a 3 de Setembro de 2008 às 15:12

arquivo do blogue
2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar